Carla Figueiredo: ” Chegou a altura de exercer “

Resume-se como uma Mulher que acredita num mundo cor de rosa e recusa-se a deixar esta convicção. Acredita que quando nos damos aos outros, recebemos de volta numa versão sempre melhorada. Determinada e resíliente, são suas características predominantes.
“Só existe limite nos meus sonhos, se eu o colocar “ –  é uma afirmação que a inspira. “Há sempre um lado bom em tudo ” – é o seu lema.
Quais são os teus projectos profissionais neste momento e por qual tens mais paixão?
Neste momento estou a investir as minhas energias em 2 projectos essencialmente. A Maleta Vermelha, como assessora e o Dr. Barbas, como fundadora. Não consigo dizer qual tenho mais paixão, a MV tem sido uma fonte de inspiração e de realização. Não me imagino deixar nunca por completo esta actividade. O Dr. Barbas é um filho, fruto de um sonho, portanto o carinho é enorme, obviamente.
Interessante saber que, tens 2 projectos totalmente distintos, um para o público masculino com barbas, o Dr. Barbas, e outro para mulheres e a sua vida sexual, a Maleta Vermelha, explica-nos o que são e porquê a especialização?
Quanto ao Dr. Barbas, há os barbeiros que esculpem e fazem o tratamento da barba no dia da visita do cliente e há vários sites a vender produtos, mas entre uma coisa e outra , falta saber o que deve todos os dias fazer um barbudo para cuidar e manter a sua barba, cuidada e saudável, nomeadamente como usar correctamente os produtos e ainda outros cuidados alem dos cosméticos. O Dr. Barbas supre esta lacuna, explicamos tudo o que podem fazer e como devem fazer, entre as idas aos barbeiros.
Maleta Vermelha é uma amiga das mulheres na parte da sua sexualidade. Além de dar a conhecer produtos eróticos, típicos de sex shop, num ambiente mais intímista e confortável que uma loja do género, e mais esclarecedor que um site, fala de mulher para mulher sobre coisas do dia a dia no âmbito da sexualidade, com toda a naturalidade e respeito pela sensibilidade de cada uma, como tem de ser numa conversa de amigas.
Como analisas o comportamento da mulher em relação ao projecto da Maleta vermelha? Que benefícios podem trazer as reuniões? 
Ainda há algum desconhecimento da existência da MV e muitos equívocos. Muitas pessoas tiram ilações que nada têm a ver com a Maleta Vermelha na realidade.
As mulheres que se atrevem a conhecer AMV sinto que se sentem mais informadas, desinibidas e prontas a serem mais felizes neste campo da sua vida. Nas reuniões abordamos saúde sexual, sexualidade e erotismo, sempre de uma forma divertida, até porque os temas ajudam, mas também porque é facilitador de desinibição. Assistir a uma reunião AMV é ficar mais informada, esclarecer mitos, e na vida de casal pode ser o complemento para sair da rotina ou que nunca se entre nela. Porque somos mulheres e a conversa é de mulher para mulher, falamos do quotidiano feminino e por isso qualquer mulher se identifica com facilidade com os exemplos ou situações que abordamos.

carreira em destaque

O Dr. Barbas é verdadeiramente um projecto inovador e empreendedor, como surgiu a ideia?
Dr. Barbas surgiu porque o meu marido é barbudo (risos). Falando mais em concreto, ele tem uma estima enorme pela sua barba e percebi que embora adquirisse produtos, nunca havia grande certeza como usar, nem quando, nem exactamente para que serviam alguns. Procurei, e na internet encontra-se muita informação, mas por vezes contraditória e sem aquele aspecto prático para o dia a dia. Procurei quem prestasse esse serviço ( como nós mulheres temos quem nos explique a cuidar da pele ou maquilhar, por exemplo) e não encontrei. Achei que havia uma necessidade, e que eu podia desenvolver a solução.
É importante encontrar negócios/projectos especializados? Porquê?
Na minha opinião sim. Julgo que as pessoas cada vez mais querem especialistas ao invés de “faz tudo”. Além disso, recorrer a um especialista, normalmente faz com que em menos tempo, se tenha melhor serviço. E tempo é algo que é precioso. Ainda mais com a internet é fácil as pessoas terem alguma informação, portanto quando sentem que querem mais, querem alguém especializado.
Onde vais buscar a energia e apoio para a tua criatividade e acção?
A minha fonte de inspiração sempre foi a minha avó paterna, ainda hoje quando tenho dúvidas sobre um caminho ou preciso de dose extra de energia, penso e tento “adivinhar” o que ela me diria naquele momento, sobre aquela situação. Depois, há o circulo de pessoas especiais que felizmente tenho na minha vida e que são fundamentais porque me motivam, acreditam em mim e estimulam. Resumindo, o combustível do meu motor, são pessoas!
Já alguma vez passastes por um período menos bom? Conta-nos como conseguiste dar a volta? 
Naturalmente sim, e vários de vária ordem, desde economicamente à saúde, directamente comigo e/ou pessoas muito próximas. Acho que o meu optimismo inato e o acreditar sempre que há motivos para sorrir foram sempre as minhas armas. Ah! Fundamental, a arma secreta, é ter pessoas que genuinamente gostam de nós e nos dão força para superar tudo com o amor que nos dão.
Como analisas o empreendedorismo feminino actual em Portugal?
Acho que ainda tem muito para crescer mas que está no bom caminho. As mulheres estão a aprender como é e em passos largos, mas sempre com a elegância dos saltos, claro!
Sentes que há mais condições para a mulher, de uma forma geral, poder empreender?
Sim, quase diria que ser Mulher está na moda. Mas, ainda temos muito para desbravar, principalmente conceitos e preconceitos, que temos ainda de destruir sobre ser Mulher nesta área. Quando trabalhamos por conta de outrem já está assimilado, parece-me, agora sermos nós donas do nosso negócio e fazê-lo crescer, ainda faz agitar as hastes.
Que conselhos daria a uma empreendedora que esteja no inicio de lançar a sua ideia?
Primeiro, que acredite que é possível. Depois, que fale com outras mulheres empreendedoras e junto delas saiba como fizeram, que obstáculos pode ter, que preparação deve fazer, ouvir as melhores práticas.
Consideras o networking, ou as redes profissionais empreendedoras, importante para os negócios?
FUNDAMENTAL! A minha experiência com a Rede Adoro.Ser.Mulher é exemplo disso, boa parte do caminho que o Dr.Barbas já fez e em tão pouco tempo, foi impulsionado pelo networking.
 Que planos tens reservados para o futuro, mais alguma novidade profissional a partilhar?
Antes de finalizar o ano, conto iniciar o meu estágio como advogada, ao fim de 20 anos de licenciatura, sinto que chegou a hora de me preparar para exercer.
Tenho ainda a marca Cogumelo de Ideias ( e o nome veio de eu ter ideias sempre a fervilhar , saltam como cogumelos(risos). Quando sentir que o Dr. Barbas está implementado (convém ter foco em cada projecto) quero-o desenvolver e será no sentido de ajudar outras pessoas com as suas ideias, a desenvolverem-nas.
E a nível pessoal?
Quero aprender a meditar e experimentar Yoga!

Olá

Não estamos por aqui agora. Pode enviar um e-mail e nós retornaremos o mais rápido possível. geral@adorosermulher.com

Sending

© 2018 Associação Adoro.Ser.Mulher | Rede Emprendedorismo Feminino Internacional |    Contactos   |    Termos de Utilização e Privacidade

or

Log in with your credentials

Forgot your details?

Malcare WordPress Security